Tapetes - Tipos, Modelos e Formas ideais para utilização.

Atualizado: Abr 13

Os tapetes são elementos interessantes para a composição da decoração. Eles trazem aconchego e calor, bem como marcam o ambiente, colorem o cômodo, interagem com o mobiliário e trazem harmonia para a casa. Além disso, podem ser de material diversificado, como lã, couro, algodão, sisal, corda, sintético, de pelo, entre muitas variações de materiais.


Tapetes - Tipos, Material e Média de Preços


Por trazerem tantas benfeitorias para o lar, escolhê-los nem sempre é fácil. As dificuldades se dão por causa da diversidade de formas, texturas, cores, tipos, tamanhos, preços e qualidades. Por isso, é preciso ficar atento a algumas regras na hora de escolher esse elemento decorativo para não errar na hora de compor a decoração de um cômodo.


Tapetes- Tipos, Modelos e formas ideais para utilização

Dhurie - De algodão cru é ideal para áreas internas e pode incluir cores na composição. Tem toque seco e duro trama bem apertada e em bem baixo o valor fica entre R$ 300 e R$ 800,00 o metro quadrado.




Tapetes- Tipos, Modelos e formas ideais para utilização

Vinil - É uma peça resistente a alto tráfego e a intempéries. Tem toque de plástico e sua trama imita o sisal. Pode ser desenhado com padrões geométricos e a quantidade de cores acaba influenciando no preço em média de R$ 250 a R$ 600 o metro quadrado.



Tapetes- Tipos, Modelos e formas ideais para utilização

Tear Nacional - A maioria dos tapetes desse tipo vem de Minas Gerais. São simples de lã, ou de algodão, e alguns tem tramas de aspecto artesanal. O preço varia de R$ 160,00 a R$ 600,00 o metro quadrado.




Tapetes- Tipos, Modelos e formas ideais para utilização

Náilon - Faz sucesso pela praticidade e manutenção. Tem outras vantagens como: não encolhe, não desbota e atende a medidas especificas. Custa de R$ 300,00 a R$ 800,00 o metro quadrado.




Tapetes- Tipos, Modelos e formas ideais para utilização

Pele - Há o que produz a forma de uma animal e deve ser de matadouro certificado. Seu preço varia de R$ 800,00 a R$ 2 mil o metro quadrado. O tapete de pele convencional pode ser de couro bovino ou sintético e feito de retalhos costurados.



Tapetes- Tipos, Modelos e formas ideais para utilização

Rústico - Feito de fibras naturais como sisal, seagrass ou mountain grass, tem toque mais áspero. É ideal para áreas de grande trafego (secas). Pode estragar se exposto a umidade e ao tempo. Custa em média R$ 300,00 o metro quadrado.




Tapetes- Tipos, Modelos e formas ideais para utilização

Shaggy (pelo alto)- É um modelo bem confortável, de pelagem alta e felpuda. Geralmente feito de náilon ou poliéster. É muito usado em salas de TV ou home theathers. Sua faixa de preço varia entre R$ 500,00 a R$ 700,00 o metro quadrado.




Tapetes- Tipos, Modelos e formas ideais para utilização

Convencional - Com espessura geralmente de 10mm, tem pelagem média, mas não é felpudo. Pode ser de lã ou seda - um exemplo é o persa. O preço varia entre R$ 500,00 e R$ 3 mil o metro quadrado.





Tapetes- Tipos, Modelos e formas ideais para utilização

Kilim (sem pelo)- Feito de lã ou seda é colorido, mais acessível e indicado para áreas internas. Os de fibra de garrafa pet podem ficar em ambientes externos. Uma peça de lã custa de R$ 200,00 a R$ 800,00 o metro quadrado. Os de seda são mais caros.





Tapetes - Entendendo o objetivo


A primeira lição que devemos aprender sobre os tapetes é que eles devem ser escolhidos depois dos móveis, pois os primeiros precisam estar harmonizados com o mobiliário. Para isso, o primeiro passo é saber qual efeito você quer causar com o tapete se é separar o ambiente, ressaltar um móvel, criar uma atmosfera informal, tornar o ambiente minimalista etc.

Tapetes- Tipos, Modelos e formas ideais para utilização

Se o objetivo for melhorar a acústica do ambiente, por exemplo, você pode investir em tapetes com grandes espessuras, pois quanto maior ela for, melhor será a capacidade de absorção do som no ambiente. Já se o objetivo é trazer mais aconchego ao lar, você pode, por exemplo, investir em texturas e espessuras maiores e mais evidentes.


Já a padronagem e as estampas devem ser pensadas na hora da composição final entre tapetes. Isso quer dizer que se o seu sofá é estampado, o melhor a fazer é optar por um tapete liso e de cor lisa, se o estofado for colorido, ou de cores fortes use o tapete de cores e estampas neutras.


Lembre-se de que não é preciso usar tapetes iguais em um ambiente, aliás, muito pelo contrário, pois eles podem trazer o aspecto de carpete. Por isso, na hora de misturar tapetes, opte por alguns padrões simples: se escolher a mesma cor, escolha texturas diferentes, o mesmo deve ser feito com a escolha das texturas: para texturas iguais, cores diferentes.


Tapetes- Forma ideal de utilização


O tamanho de um tapete está ligado ao mobiliário do ambiente em que será colocado. Sua medida ideal é aquela que ultrapassa um móvel nas laterais, em todos os lados de maneira igual, por volta de 80 cm.


Tapetes- Tipos, Modelos e formas ideais para utilização

Quarto - O tapete deve partir da metade da cama em direção aos pés. A ideia é que, ao acordar, a pessoa não pise descalço diretamente no piso. Por isso, ele pode ser mais felpudo e macio. Outra opção é sobrepor o carpete com um modelo mais pesado – isso facilita a limpeza, já que a peça pode ser retirada e lavada.



Tapetes- Tipos, Modelos e formas ideais para utilização

Sala de Estar - Para a utilização de um tapete na sala, é necessário que ele englobe todos móveis do cômodo, incluindo, mesas, poltronas e sofás. Nessa condição, a peça tem a função de integrar os móveis. Começa a ser disposta a partir da metade do sofá e chega até a metade da estante ou das poltronas.


Tapetes- Tipos, Modelos e formas ideais para utilização

Sala de Jantar- A regra geral é que haja uma sobra de tapete para arrastar as cadeiras para fora da mesa, Essa sobra deve ser de, no mínimo, 70 cm a 1 m além da mesa.












Tapetes- Tipos, Modelos e formas ideais para utilização

Lavabo - Sim, ele merece um tapete bonito e de fácil manutenção. Muitos modelos podem compor esse espaço. Em geral, peças de secagem rápida são as mais apropriadas. Quanto aos tamanhos, variam de acordo com o espaço do lavabo, mas costumam seguir a parte frontal da bancada.




Abraços e Obrigada pela visita!